Pressa: inimiga da dieta perfeita

 

Perder peso rápido e sem acompanhamento é garantia de reencontrar os quilinhos com a mesma velocidade.

 

A pressa é sempre inimiga da perfeição. E mais, quando o assunto é emagrecer – e manter o peso ideal tão, duramente, conquistado. Os apressadinhos cometem alguns erros básicos em busca dos resultados instantâneos. Coisas como beber álcool, para enganar a fome, e comer depressa para se livrar logo daquilo.



“As bebidas muitas vezes engordam mais que a comida, além de não trazer os benefícios do alimento. E ao comer rápido não temos tempo para sentir saciedade e acabamos comendo mais”, explica a médica Yara Dantas, especialista em Nutrologia.

Outros erros comuns são ficar muito tempo sem comer ou fazer dietas muito restritivas, por exemplo. O resultado até pode aparecer a curto prazo, mas ele não se manterá, sem falar nos prejuízos para o organismo.



“Nada substitui uma dieta planejada com o auxílio de um profissional, que vai estudar as características de cada pessoa, seu metabolismo e objetivos. Sem pressa. Mas com resultados garantidos, saudáveis e permanentes. Obesidade é uma doença e o maior fator de risco para o Covid, depois da idade”, explica a doutora Yara.

 

Texto: Helcio Alves.

Fotos: Carla Josephyne.